Total de visualizações de página

domingo, 19 de março de 2017

Homenagem ao Meu AMIGO Poeta e Escritor Manoel Ferreira Neto!


Pequeno e resumido ensaio sobre a obra de Manoel Ferreira Neto


Profícua, esotérica, sapiente
Prosa que eleva ao infinito
A Ele procura chegar
Em buscas contantes
Do ser, Não Ser, Existo.


Homem de grande sensibilidade
apenas lhe interessa a Verdade
correlacionada com o Infinito.
Com Ela se identifica e tipifica.
Não é Deus, mas a Ele pertence
Anda em bucas e querências constantes
Mergulha nas veredas da Verdade
como premissa primeva e fundamental
…O fulcro de toda a sua Obra…


Filósofo, estudioso ímpar
Revela raízes académicas
Bem precisas, desde Sartre
Hegel, Albert Camus…
Não se cansa de aprofundar
Seus conhecimentos---
A gentileza, subtileza
a par de uma lúcida inteligência
são apanágio da sua grande agudeza.


Perspicaz, nunca mordaz
Conhecedor da alma feminina
nela se meta formoseia e encandeia
apontando ao leitor toda a sua beleza.
O seu conhecimento de tão profícuo
trespassa para o leitor, mesmo o menos culto.
A beleza da sua obra literária resplandece
o seu grande amor à arte de bem dizer,
de bem escrever- o Génio de Amor e Culto
da Língua Portuguesa que trabalha com destreza.
Tece-a com tanta leveza e proficiência
fazendo jus à sua ciência que ficará célebre
na História da Literatura Portuguesa.


Maria Isabel Fernandes da Cunha


Nenhum comentário:

Postar um comentário