Total de visualizações de página

sábado, 16 de abril de 2016

*AVALON OF THE HEART** - Manoel Ferreira


Manhã de tempo nublado - quiçá chova mais tarde -, friozinho gostoso. Assim, a esperança, mais viva que se revela, mais plena que se anuncia, toca mais fundo o coração. Re-começar na lírica da canção dos sentimentos singelos, puros, os desejos da felicidade que orvalha a alma, trans-elevando-a aos cumes do ser que jubila as verdades compostas de versos e estrofes na labuta da vida, encontros, des-encontros; re-fazer o amor com emoções que nascem no âmago do coração, neblinando o espírito de querenças do belo e do eterno, o eidos da essência da travessia do verbo sendo o transitivo de amar; virar a página do poema que encantou, fascinou, lágrimas vertidas pujantes, sentindo o friozinho do absoluto perpassando os horizontes do sublime, ler outros poemas para no final da obra ser a vida puro êxtase, suave prazer; entender os propósitos de Deus, que outro não é senão a vocação às etern-itudes do ser, solidariedade, compaixão, assim seguindo o silvestre do campo, cantando Avalon of the Heart.



Manoel Ferreira Neto.

(16 de abril de 2016)

Nenhum comentário:

Postar um comentário