Total de visualizações de página

segunda-feira, 13 de março de 2017

**ÚTERO GERANDO SÓIS** - PINTURA: Graça Fontis/POEMA: Manoel Ferreira Neto


Ausência de desejo,
Ausência de volo,
Ausência de vontade,
Diante da imagem re-fletida,
In-fletida, pré-fletida.
Averiguar, in-vestigar, con-templar
As linhas curvas da forma física,
Sinuosas da forma corpórea,
E o in-visível visível contorno
Do que por dentro, intrínseco,
Intersticial,
Se vai estruturando,
Delineando,
Burilando,
Artificiando;


Silenciosa escultura,
Pintura,
Arquitetura
Em contínuo delineamento,
Aperfeiçoamento,
Um grande útero
Gerando sóis.


(**RIO DE JANEIRO**, 13 DE MARÇO DE 2017)


Nenhum comentário:

Postar um comentário