Total de visualizações de página

sexta-feira, 3 de março de 2017

*A BORBOLETA - IN "PARTITURAS DO ESPÍRITO" - 01 DE MARÇO DE 2017) - PINTURA: Graça Fontis/POEMA: Manoel Ferreira Neto​


É verdade
Não é criação.
Não é arte.
Não é poesia.



A borboleta pousou
Na minha mão.
Olhei-a surpreso.
Isto jamais aconteceu.
Acariciei-lhe as asas.
Quietinha, quietinha,
Sentindo o toque
De meu dedo.
Moveu-se um instante.
Esperei fosse voar.
Não voou.
Acariciei-lhe as asas.



- Olhe aqui, meu bem...
A borboleta na costa de minha mão.
Isto tem um sentido.
Isto é símbolo,
Signo,
Metáfora...



Acaricio-lhe as asas.
Suaves, frágeis.



(**RIO DE JANEIRO**, 03 DE MARÇO DE 2017)


Nenhum comentário:

Postar um comentário